Encontro com Gilberto Braga

Fui assistir “A Flauta Mágica”, aqui em Londres, e quem encontro: Gilberto Braga. Feliz coincidência. Lembrei que no início da nossa carreira, estávamos ambos ligados ao teatro. Eu estreando com “A Vaca Metafísica” e ele como crítico. Pedi ao meu pessoal aí no Brasil que localizasse a crítica dele à peça. Vai aí abaixo. Para minha sorte, outros críticos, como Yan Michalski. Sábato Magaldi, Ilka Zanotto não foram tão severos comigo. Grande Gilberto!

Imagem 1_Crítica Mumu_O Globo_2.12.1975_gilberto braga

 

  • Fátima Diniz

    Ainda bem que vccê não desistiu e mostrou que a que veio. Bj querido!

  • Roberto Nestorio

    Bravo! Será que o fato de o Gilberto nunca ter escrito para teatro tem a ver com o seu passado como crítico? Pimenta no olho dos outros… Adorei o post, Marcilio! Aproveito para pedir a sinopse de Irmãos Coragem… seria interessantíssimo conhecer a adaptação do Dias em cima do trabalho de sua esposa. Sucesso sempre!