• Plano Alto – O Estado de S. Paulo

    / 29 de dezembro de 2014

    Programa que funciona bem para a audiência ganha sobrevida em novas temporadas, e a TV nacional tem aprendido que, pelo menos no ramo de ficção, séries com mais de uma safra são mais atraentes para o mercado internacional. continue lendo.

  • Série Contadores de Histórias – O Globo

    / 28 de dezembro de 2014

    Sentado no escritório de casa, no Leblon, Manoel Carlos passou duas horas discorrendo sobre seu processo de trabalho e sua carreira para a Revista da TV. A entrevista com o criador de “Em família”, publicada em janeiro, foi a primeira da série “Contadores de histórias”. Assim como ele, autores já conhecidos do público — ou não — abriram seus métodos de criação e foram fotografados em seus cantos de trabalho. continue lendo.

  • Plano Alto – Uol

    / 27 de dezembro de 2014

    O ano de 2014 começou promissor na teledramaturgia com a quebra do tabu do beijo gay, exibido no último capítulo da rocambolesca trama de Walcyr Carrasco, Amor à Vida (Globo). Mas, quem esperava por um ano repleto de histórias de tirar o fôlego, levou um banho de água fria… continue lendo.

  • Plano Alto – Correio Braziliense

    / 7 de dezembro de 2014

    A teledramaturgia brasileira está em processo de mudança. Quando se toma 2014 como base para o que vem pela frente, pode-se dizer que as novelas estão perdendo cada vez mais espaço para as séries. continue lendo.

  • Plano Alto – Folha de S. Paulo

    / 21 de novembro de 2014

    A APCA (Associação Paulista de Críticos de Arte) divulgou nesta sexta (21) os finalistas aos prêmios de televisão. São sete categorias: dramaturgia, atriz, ator, diretor, programa de variedades, humor e infantil. continue lendo.

  • Plano Alto – Uol

    / 26 de outubro de 2014

    Encerrada “Plano Alto”, uma boa série de temática política exibida pela Record ao longo das primeiras três semanas de outubro, a questão mais importante a tentar entender é: por que, ao contrário da tão animada disputa eleitoral, o programa não despertou interesse algum? continue lendo.

  • Plano Alto – Portal IG

    / 9 de outubro de 2014

    Ao afirmar que “os fins justificam os meios”, Nicolau Maquiavel talvez não soubesse que sua fala seria eternizada como uma das mais controversas sínteses da história da humanidade. Quase quinhentos anos após a morte do escritor, Plano Alto utiliza a antiga frase como fio condutor de um enredo repleto de subterfúgios, reviravoltas e segundas intenções. continue lendo.

  • Plano Alto – Portal R7

    Os palácios onde habitam os governantes parecem distantes dos interesses reais do povo. Não foi à toa que, em junho de 2013, o Brasil viu uma multidão invadir as ruas do País de forma inesperada, cansada diante de tanta retórica e pouca ação. continue lendo.