• A Grande Família

    / 10 de agosto de 1987

    A iniciativa de fazer um especial de fim de ano comemorativo de “A Grande Família”, em 1987, foi do Paulo Afonso Grisolli, diretor da temporada inaugural deste sucesso que perdura até hoje. continue lendo.

  • Roda de Fogo

    / 2 de março de 1987

    A ideia básica de Roda de Fogo surgiu na Casa de Criação, da Globo. E eu criei a primeira sinopse. Aí foi chamado o Lauro César Muniz para assumir a novela, porque eu era um iniciante na Tv. Sob o comando dele, fizemos algumas modificações na história. Mas os primeiros capítulos que o Lauro escreveu foram questionados pela direção da Globo, que então me pediu para tentar outro caminho. continue lendo.

  • Roque Santeiro

    / 1 de outubro de 1985

    Foi uma honra e uma sorte para mim ter sido convidado pelo Dias Gomes para colaborar em “Roque Santeiro”, minha primeira novela. Lendo os primeiros 51 capítulos, escritos pelo Dias para a versão proibida em 75, e que foram ao ar praticamente ipsis litteris em 85, descobri o que era uma novela de qualidade. continue lendo.

  • Férias Conjugais

    / 15 de abril de 1978

    Visualize o texto original (PDF) “Férias Conjugais”, naquela época de vacas macérrimas, foi uma peça que escrevi para ganhar dinheiro. Vai ver que foi por isso que o texto não teve sorte, apesar de ser bastante engraçado. O primeiro grupo … continue lendo.

  • Sonata Sem Dó

    / 7 de março de 1977

    “Sonata Sem Dó” foi uma peça encomendada por uma amiga de Petrópolis, Amelin Fianni. Um exercício dramático que resultou num texto demasiadamente alegórico e abstrato… continue lendo.

  • Correntes

    / 7 de março de 1976

    “Correntes” é uma peça baseada num conto meu chamado “O Ciclista”, o primeiro que publiquei, em 1969, na revista Cadernos Brasileiros. É a história de um sujeito empenhado em bater o recorde de permanência em cima de uma bicicleta… continue lendo.

  • Mumu – A Vaca Metafísica

    / 6 de dezembro de 1975

    “A Vaca Metafísica” é meu maior sucesso em teatro. Digo é porque passados quase 40 anos ela continua por aí, nos palcos. Já teve mais de 50 montagens, profissionais e semiprofissionais por esse Brasil afora. continue lendo.

  • O Ator Cara de Bolacha

    / 26 de fevereiro de 1975

    “O Ator Cara de Bolacha” surgiu no vácuo deixado pela proibição de “Só Engorda Quem Negocia”. O Grupo Ensaio, que montava o espetáculo, e eu resolvemos partir para uma criação coletiva, para não perdermos todo o investimento… continue lendo.

  • Só Engorda Quem Negocia

    / 26 de fevereiro de 1974

    “Só Engorda Quem Negocia” foi minha primeira incursão no texto teatral. O título de sabor brechtiano reflete bem a época, 1974. Era um musical e brincava, vejam vocês, com a redução da arte, no caso o teatro, a simples mercadoria. … continue lendo.